O uso sustentável da biodiversidade na Amazônia
BioTec-Amazônia realiza reunião com OCB Pará

A ideia é estabelecer protocolo de intenção para articular o desenvolvimento e agregação de valor as cadeias produtivas que a entidade já atua.

A Organização Social BioTec-Amazônia recebeu, na última sexta-feira, 30, representantes da Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado do Pará, Jorge Moura Serra Júnior e Deivison Pinheiro. Os representantes da OCB foram recebidos pelo Diretor de Articulação Público-Privada, Sérgio Alves.  A reunião busca estabelecer um acordo de cooperação entre as partes.

O diretor Sérgio Alves, durante a reunião, apresentou a proposta da BioTec de articulação para promoção do uso sustentável da biodiversidade amazônica, após decreto publicado que qualifica a BioTec-Amazônia como organização social. “A gestão da OS BioTec é um sistema inteligente de governança voltado ao estímulo de uma economia dinâmica fundada no uso sustentável da biodiversidade com a devida e adequada base científica e tecnológica”. explicou.

Por isso, é fundamental a parceria com entidades tanto públicas como privadas, para dar suporte tecnológico e criar mecanismos eficazes para o que se retira da natureza. “O mercado precisa do viés da ciência e tecnologia, do laboratório, que ateste o produto, para normatizar e agregar valor a essa cadeia produtiva”, enfatizou Sérgio Alves durante reunião.

Para Junior Serra, da OCB Pará, é importante essa articulação com a BioTec para profissionalizar ainda mais o trabalho das cooperativas. “Esse é o nosso maior entrave. Fazer com que as cooperativas se profissionalizem cada vez mais. Pois, além da demanda interna, o cooperado pode, com essa profissionalização, começar a exportar a sua produção. Por isso, o mercado é que acaba obrigando as cooperativas a buscar essa profissionalização”, explicou Junior Serra.

Sérgio Alves destacou que, em junho de 2019, a Organização Social BioTec-Amazônia assinou com o Centro Regional de Governo do Baixo-Amazonas, acordo de cooperação para desenvolver, naquela região, as cadeias produtivas. “Mas, desenvolver a região com plano de negócios, com pesquisa, com inovação, com a capacitação dos produtores locais, e transformar isso em um produto comerciável”.

A BioTec-Amazônia já assinou oito acordos de cooperação em 2019, como parte do plano de trabalho proposto pela Organização Social, que estipula metas a serem atingidas a partir de ações e atividades da BioTec de forma organizada. A ideia é estabelecer protocolo de intenção para articular o desenvolvimento e agregar valor as cadeias produtivas que a entidade já atua.

Silvia Leão

Comunicação BioTec-Amazônia. E-mail: silviadesouzaleao@biotecamazonia.com.br. Telefone: (91) 99271-5573. Endereço: Espaço Empreendedor, localizado no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá – PCT Guamá, 3ºandar, salas 401 a 404.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
shares