BioTec-Amazônia assina acordo de cooperação com OCB/PA
  • Post category:Parcerias

Entre as iniciativas acordadas, constam: agregar valor aos bioprodutos das cooperativas; gerar novos negócios de base tecnológica a partir da biodiversidade e solucionar gargalos tecnológicos que impactem na melhoria de competitividade das cooperativas.

A Organização Social BioTec-Amazônia assinou acordo de cooperação com o Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileira do Estado do Pará (OCB/PA), no dia 23 de junho 2020. A articulação de alianças duradouras com associações, lideranças empresariais, acadêmicas e de governo, voltadas para o aumento da inovação em setores econômicos é parte do trabalho da BioTec-Amazônia junto à Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), por meio de arranjos institucionais inovadores que estabeleçam uma nova cultura de relacionamento em prol do desenvolvimento sustentável.

Professor José Seixas Lourenço, Diretor-Presidente da BioTec-Amazônia
(Foto: Ascom BioTec-Amazônia)

O Diretor-Presidente da BioTec, Professor José Seixas Lourenço, reforça que as assinaturas de acordos de cooperação, são celebrações que instituem parcerias para a criação e consolidação de ambientes de inovação nas regiões de integração do Estado. “As celebrações têm por objetivo estabelecer parceria para a viabilização de cooperação técnico-científica, visando o desenvolvimento de atividades de interesse comum das instituições partícipes e a execução de projetos, estudos e pesquisas, com foco nas áreas de biodiversidade, biotecnologia e bionegócios. Assim, a BioTec-Amazônia busca introduzir tecnologia e inovação nas cadeias produtivas, por meio das cooperativas vinculadas à Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB)”, destacou.

Jorge Moura Serra Júnior, Superintendente do Sistema OCB/PA e Diego Andrade, OCB/PA
(Foto: Ascom BioTec-Amazônia)

Para Ernandes Raiol, Presidente do Sistema OCB/PA, esse acordo de cooperação é uma maneira de articular estratégias com atores locais. “A OCB/PA fica muito feliz em poder participar e tem como perspectiva poder articular parcerias estratégicas entre os atores locais, envolvendo os produtores entre eles os cooperados de nossas cooperativas, os agentes públicos e a academia, para que sejam desenvolvidos e implantados projetos de pesquisas que valorizem toda a nossa potencialidade, bem como tragam resultados expressivos e reais às nossas cooperativas”, explicou.

A OCB/PA agora participa de reuniões com a BioTec-Amazônia, como a que ocorreu no último dia 24 de julho de 2020, com a participação de Jorge Moura Serra Júnior, Superintendente do Sistema OCB/PA e Diego Andrade, OCB/PA, onde foi aprofundada a capacidade da OCB de agregar alternativas para o trabalho da OS. “Como representantes do Cooperativismo, vamos caminhar juntos com as instituições de ensino superior e tecnológicas, sejam elas públicas ou privadas, assim como junto aos governos estadual e municipal, servindo de ferramenta para o desenvolvimento do cooperativismo paraense”, disse Raiol.

Entre as iniciativas acordadas pelas entidades assinantes estão: agregar valor aos bioprodutos das cooperativas; gerar novos negócios de base tecnológica a partir da biodiversidade e solucionar gargalos tecnológicos que impactem na melhoria de competitividade das cooperativas. “Hoje, por exemplo, buscamos por meio de nossas cooperativas do ramo agropecuário, desenvolver a verticalização da produção, gerando emprego e renda para as pessoas que estão ao entorno de nossas cooperativas e é imprescindível a preocupação com o meio ambiente, por meio da utilização de uma energia limpa e renovável, assim como o tratamento dos resíduos gerados devido a verticalização. Além disso, junto com a UFRA, desenvolvemos o COMPRASCOOP PA, um aplicativo de compras que permite o consumidor comprar produtos de qualidade, a um preço justo e diretamente do produtor”, finalizou Ernandes Raiol.

Eixos – A BioTec-Amazônia já realizou assinatura de Acordos de Cooperação Técnica com Instituições de Ciência, Tecnologia e Inovação e Secretarias de Estado. As entidades, assinantes do termo, estabeleceram, entre outros, o objetivo de contribuir com a governança inovadora, auxiliando a BioTec-Amazônia a articular com os diferentes segmentos (lideranças empresariais, acadêmicas e de governo).

Além disso, podem contribuir para a prospecção e atração de novos negócios para o Parque de Ciência e Tecnologia promovendo e incentivando, juntamente com a OS, a participação em eventos, fóruns e vitrines de invenções de potenciais investidores.

Quem somos – A BioTec-Amazônia tem por finalidade promover o uso sustentável da biodiversidade amazônica, em especial do estado do Pará, construindo projetos em parceria com ICT’s e o setor privado, agregando valor a biodiversidade por meio do estudo biotecnológico dos principais ativos voltados aos setores de biocosméticos, superfoods, nutracêuticos e de fármacos, o que permitirá atrair novos investimentos para o estado do Pará no setor de bioeconomia. A BioTec-Amazônia atua também no suporte tecnológico as cadeias produtivas locais nas regiões de integração do estado, promovendo ambientes de inovação junto as ICT’s locais, desenvolvendo projetos que aproveitem o potencial produtivo da região tais como a cadeia da piscicultura, pecuária, fruticultura, florestas e produtos não madeireiros com ênfase na manutenção floresta em pé e agricultura sustentável de baixo carbono.

Silvia Leão

Comunicação BioTec-Amazônia. E-mail: silviadesouzaleao@biotecamazonia.com.br. Telefone: (91) 99271-5573. Endereço: Espaço Empreendedor, localizado no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá – PCT Guamá, 3ºandar, salas 401 a 404.

Deixe uma resposta