Bioeconomia na Semana do Calouro 2021

A BioTec-Amazônia participou de mesa redonda onde falou de empreendedorismo, biodiversidade e bioeconomia na Amazônia.

Os centros acadêmicos dos cursos de Biotecnologia e Engenharia de Bioprocessos da Universidade Federal do Pará (UFPA) realizaram evento integrante da Semana dos Calouros 2021, que ocorreram nos dias 21 a 26 de junho de 2021, totalmente online e síncrono. A Semana do Calouro 2021 convidou diversas instituições e empresas para debaterem com os calouros sobre suas respectivas escolhas acadêmicas e competências relacionadas às diversas possibilidades e linhas de pesquisa.

A Organização Social BioTec-Amazônia foi uma das convidadas para falar da sua atuação no empreendedorismo do Estado do Pará. Por isso, o evento contou com a presença virtual da Profa. MsC. Amarílis Aragão Dias, Coordenadora do Escritório de Projetos da BioTec-Amazônia. A proposta era falar, inicialmente, de bioeconomia e como é a oportunidade de transformar a economia do Estado do Pará. “Transformar uma economia, que é baseada no extrativismo, em uma economia baseada na ciência e na tecnologia e, com isso, a gente trazer a fixação de renda, não ser dependente de tecnologia de outros Estados, e também ter postos de trabalho para esses egressos dos cursos”, explicou.

Mesa redonda – O intuito da mesa redonda era realizar uma roda de conversa, com o tema “vida acadêmica e empreendedorismo” e apresentar aos calouros uma alternativa diferente do mestrado acadêmico ou trabalho pós-vida acadêmica ou até durante a academia. Por isso, além da Organização Social BioTec-Amazônia, participaram Jonas Cunha, da Biomimética; Gabriellen, Graduada em Engenharia de Bioprocessos e Carla Moreira, Mestranda em Genética e Biologia Molecular na UNICAMP que puderam, cada um, explicar sobre sua rotina de trabalho e experiências profissionais.

“Na ocasião, pude falar das oportunidades de empreendedorismo a partir da valoração dos recursos da biodiversidade, bioeconomia e como a BioTec-Amazônia, OS qualificada pelo Estado, atua nesse fomento”, destacou Amarílis. Entre os pontos relevantes da apresentação, destaque-se a apresentação do Programa BIOPARÁ, criado em 2017 pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet) gerido pela BioTec-Amazônia, que busca a execução de políticas públicas que possibilitem a agregação de valor às cadeias produtivas da biodiversidade estadual e regional.

“O programa é uma politica de Estado e não de governo. Não é transitório! Mas, para isso, é necessária a superação dos desafios do desenvolvimento que o Pará requer, da transformação da estrutura produtiva. É necessário transitar para um modelo baseado na inovação e no conhecimento!”, destacou. O encontro chegou a contar com 50 pessoas de maneira simultânea.

Evento – Pela primeira vez em formato virtual, a programação da Semana do Calouro deste ano foi única para todos os campi e teve como tema “Universidade Pública: Cidadania, Ciência e Cultura” e foi transmitida no canal UFPA Oficial no Youtube. A Semana do Calouro termina no dia 26 de junho, com atividades organizadas e divulgadas pelas Unidades e Subunidades da UFPA. Para despertar nos novos alunos o exercício da solidariedade, da cidadania e do compromisso socioambiental, ações como o Trote Solidário Sustentável e a campanha de doação de sangue, que são realizados todos os anos, foram mantidas na programação.

Silvia Leão

Comunicação BioTec-Amazônia. E-mail: silviadesouzaleao@biotecamazonia.com.br. Telefone: (91) 99271-5573. Endereço: Espaço Empreendedor, localizado no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá – PCT Guamá, 3ºandar, salas 401 a 404.