O uso sustentável da biodiversidade na Amazônia
Inteligência Competitiva para projetos inovadores na Amazônia

Capacitação é prioridade para prospectar e atrair bionegócios com foco no BioPará

A BioTec Amazônia se prepara para antecipar às exigências do mercado e realiza uma capacitação sobre Inteligência Competitiva para seus colaboradores e convidados. O evento acontece nos dias 12 e 13 de abril de 2018, em Belém, e será realizado no 1º andar do Espaço Empreendedor, na sala de coworking, do Parque Ciência e Tecnologia Guamá (PCT). Hélio Gomes de Carvalho, professor e pesquisador especialista em inovação será o responsável pela capacitação ao grupo de 20 pessoas que desenvolvem trabalhos na pesquisa e inovação da Amazônia.

Inteligência Competitiva (IC) é uma técnica que visa levar a empresa para o ponto estipulado, por meio da interpretação das estratégias elaboradas e os resultados obtidos. A ideia é planejar e executar ciclos curtos (curto prazo) e longos (médio e longo prazos) de Inteligência Competitiva (IC) voltados à identificação de oportunidades de projetos inovadores na Amazônia.

A BioTec Amazônia vai oferecer a capacitação à todos os colaboradores de sua equipe e mais os parceiros como Fundação Guamá; Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet); Banco da Amazônia (Basa); Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa); Sebrae/PA; Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme); Federação da Agricultura e Pecuária do Pará (Faepa) e Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai).

O evento é parte da meta do Eixo Estratégico 2, da BioTec Amazônia, de Prospecção e Atração de Novos Negócios com Foco no Biopará, que organiza e conduz, em articulação com instituições do Estado do Pará, públicas e privadas, eventos, missões empresariais e participação em feiras de promoção da inovação no Brasil e no exterior, voltadas para a identificação de oportunidades de negócio e investimentos para a agregação de valor em produtos da biodiversidade amazônica nos setores econômicos prioritários e estratégicos, conforme as diretrizes do BIOPARÁ. Os Eixos Estratégicos são ações com efeitos multiplicadores sobre o conjunto das atividades da associação.

Para o Sebrae, inteligência competitiva é se antecipar às exigências do mercado. Isso é possível quando a empresa é gerida por meio de uma administração estratégica. Trata-se, portanto, de saber utilizar as informações sobre o mercado (cliente, concorrente, fornecedores) de forma estratégica. É acompanhar as tendências do mercado, verificando se as estratégias estão aproveitando as oportunidades e as fortalezas, sem ignorar as ameaças e os pontos fracos, monitorando os objetivos e as estratégias gerais e funcionais. A inteligência competitiva vai levar a empresa ao ponto estipulado, interpretando as estratégias elaboradas e seus resultados, verificando a necessidade de ajustes ao longo da trajetória.

Texto: Silvia de Souza Leão
Comunicação BioTec-Amazônia
E-mail: silviadesouzaleao@biotecamazonia.com.br/ biotecamazoniacomunica@gmail.com
Telefone: (91) 99271-5573
Endereço: Espaço Empreendedor, localizado no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá – PCT Guamá, 3ºandar, salas 401 a 404.

Silvia Leão

Comunicação BioTec-Amazônia. E-mail: silviadesouzaleao@biotecamazonia.com.br. Telefone: (91) 99271-5573. Endereço: Espaço Empreendedor, localizado no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá – PCT Guamá, 3ºandar, salas 401 a 404.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
shares